Arquivo do mês: março 2010

Masdar City

Na semana passada falamos muito sobre o processo de urbanização.
Há coisas simples que podem ser feitas para melhorar a qualidade de vida das pessoas nas grandes cidades.
Mas imagine se pudéssemos criar uma cidade do “zero”, totalmente projetada, com tecnologia e materiais capazes neutralizar a emissão de carbono.
Esse lugar existe.
Ou melhor, quase. Está em fase de construção.
Trata-se de Masdar City.
Clique na foto para conhecer.
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em sustentabilidade, tecnologia

O desafio da Urbanização

Deixe um comentário

Arquivado em reportagem, sustentabilidade

Futuro: modo de usar

Deixe um comentário

Arquivado em futuro, tecnologia

TED Sudeste

Há muito tempo sou fã do TED.
Trata-se de uma série de palestras com o objetivo de espalhar idéias pelo mundo.
Participam pessoas que tenham “algo a dizer”.
Podem ser personalidades, como Bill Gates, ou um músico desconhecido.
O importante é mexer com as idéias.
O evento principal já existe há vários anos.
Mas, de uns tempos pra cá, começaram a surgir TEDs regionais.
O Rio vai sediar um encontro.
Tomara que, há exemplo do TED principal, o material seja disponibilizado na web.
Eu geralmente baixo as palestras direto para o Ipod e assisto quando dá.
Até onde eu sei o TED é uma iniciativa sem fins lucrativos.
Por isso vale à pena divulgar.
As inscrições para o evento do Rio  já estão abertas.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Homo Urbanus

_

Acabo de voltar do 5º Fórum Urbano Mundial, promovido pelas Nações Unidas.
Hoje foi só o primeiro dia de debates mas já há muito o que pensar.
Segundo a ONU, metate da população mundial está em áreas urbanas. Até 2050 esse índice deve chegar a quase 100%!
A primeira imagem que veio à minha mente foi a do Haiti.
Quado estive lá, depois do terremoto, fique abismado com a combinação explosiva pobreza + urbanização.
Sem infra-estrutura não existe civilização, viramos todos bichos.
É preciso urgente pensar em formas que sustentem o crescimento populacional sem prejudicar o meio ambiente.
Algumas soluções são simples.
No caso dos transportes, por exemplo, as bicicletas devem ser tratatas de forma séria, e não como brinquedo. (veja o post abaixo).
Outros desafios são maiores, como o de encontrar formas de energia para alimentar as grandes cidades, principalmente em países que não tem muitas fontes renováveis.
O importante é agir imediatamente.
A urbanização é um processo sem volta.

Deixe um comentário

Arquivado em sustentabilidade

Pedala Robinho

O aluguel de bicicletas voltou a funcionar no Rio.
O serviço ficou suspenso por 3 meses depois que 56 bicicletas foram roubadas.
Agora elas estão com equipamento de segurança.
São 190, espalhadas por 19 estações.
O serviço custa R$10, a diária, ou R$20, a mensalidade.
(para mais informações, clique na foto acima)
A idéia é genial.
Falta agora criar ciclovias e faixas exclusivas nas ruas.
Além, é claro, de educar (e depois punir) os maus motoristas para que respeitem os ciclistas.
Barcelona, na Espanha, tem uma geografia muito parecida com a do Rio.
Lá o sistema funciona há anos maravilhosamente bem.
Veja só:

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Pós pré-sal

(clique na foto para ver a reportagem do Jornal das Dez)
_
Ontem estive no campo de Tupi, na Bacia de Santos.
Acompanhei a extração do tão famoso petróleo pré-sal.
Olhando de perto, não tem nada demais, parece um óleo de cozinha sujo.
Mas confesso que dá uma certa emoção segurá-lo em mãos.
É difícil acreditar que aquilo está a uns 7.000 metros abaixo dos nossos pés.
O Brasil foi o primeiro (e é único país neste momento) a fazer algo desse tipo.
Ao mesmo tempo, é impressionante pensar como aquele líquido é motivo de disputas econômicas, politicagem, guerras, mortes e danos ao meio ambiente.
O pré-sal ainda tem muitos anos pela frente.
Mas em algum momento o petróleo vai acabar.
Ficaria muito mais orgulhoso se o Brasil fosse pioneiro no uso 100% de energia renováveis.
Se a nossa tecnologia fosse reconhecida internacionalmente como a melhor para reduzir as emissões de carbono.

Deixe um comentário

Arquivado em reportagem, sustentabilidade, tecnologia